quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Já ouvi falar muito em pessoas que se definem e consequentemente se limitam; uma pessoa temática é aquela que além de se basear em um tema para sua forma de vida, ela também o pratica a todo momento. Um tipo muito comum dessas pessoas temáticas é “A faz de tudo”; geralmente este título é denominado entre as mulheres, são especialistas em tudo, mas com uma diferença, se limita demais ao querer fazer tudo o que as outras pessoas estão fazendo. Elas querem se melhores, e se você está fazendo algo que pode intimidá-la e parecer melhor que o dela, ela não a deixa fazer, tomando-o num ato de generosidade; mas na verdade é sua vontade insaciável de fazer de tudo e de certa forma, ser melhor que você. Se você está fazendo algo muito bom, realmente muito bom, que pode parecer ameaçador e melhor que o dela, ela pega de suas mãos e tenta fazer por você, pois para ela o DELA tem que ser o melhor. Outro exemplo muito conhecido é aquele, que se você sai para algum lugar com ela, e essa mulher fala que sua roupa não está boa, que você deveria trocar, consequentemente sua roupa está melhor que dela. E com uma visão oportunista de ser melhor, faz você trocar a SUA roupa para ela ficar mais bonita ou atraente. Um modo de ser melhor é se sobressair aos outros, é pensar sempre em uma roupa que seja melhor que as outras, em uma comida que fique melhor que as outras. Boa forma de evitar comentários e sugestões dessas famosas "faz de tudo", é melhor que você tenha uma auto-estima bem alta, muito mesmo. É melhor também que saiba lidar com esse tipo de situação, com essa madeira inconsequente de mudar tudo e melhorar visando apenas a si mesmo. Como poderia ser previsível, é claro que pode haver desavenças, mas com uma diferença, no final, ou resultará em amizade eterna, ou resultará em inimizade mortal.
quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Ao longo dos meus 15 anos aprendi muito com a vida, principalmente com as decepções, o que não posso e nunca pude evitar, porém às vezes me surpreendo em saber que tudo tem uma consequência, cabe a cada um ter serenidade no momento certo de escolher se estas mesmas consequências serão boas ou ruins, através de atitudes e atos. Confesso que nunca fui muito boa com palavras difíceis e custosas, mas nada que um dicionário não resolva. Sim, estou escrevendo este texto com um dicionário ao meu lado, não é vergonha nenhuma, nem pra mim nem pra ninguém, dicionário existe exatamente para isso. Modesta parte sou muito boa em português, mas não sou melhor que ninguém e nem por isso eu preciso sair por aí constrangendo as pessoas que me rodeiam, no intuito de corrigi-las. Posso ajudar sim, mas não tenho direito de me sentir melhor que alguém, porque não sou. Não posso me sentir no direito de tirar de uma pessoa a alegria de um escrever um texto, e transforma-lo em algo certo e padrão aos meus conceitos. Pois ele não é, cada um tem seu conceito de texto e o meu não é melhor que o de ninguém, todos têm seu valor singular. Infelizmente existem sim pessoas falsas e hipócritas, que são capazes de medir forças e complicar a vida de qualquer um, ou mesmo constrange-los ao ponto de causar timidez e dependência de algo que o conforte. Não é justo fazer isso, é como uma falta de escrúpulos, respeito e paciência com que precisa. Como diz um sábio ditado: "Faça sua estrela brilhar sem apagar a minha." Com absoluta certeza, essa é uma grande verdade. Não é certo deixar que a ganância tome conta da sinceridade e acabe com o resto do sentimento mortal que existia em certa situação, não é certo comprometer planos de alguém no intuito de privilegiar-se. Não é certo ser desonesto, ainda mais quando se trata de brilho próprio. Não adianta enganar aos outros, pois assim, apenas enganará a si próprio cada vez mais.
Todos os documentos publicados neste blog, sejam eles fotos ou textos, estão protegidos por direitos autorais, e qualquer mal uso do mesmo será da responsabilidade de quem ás exibir. Favor colocar seus devidos créditos antes de republica-los em qualquer página, seja ela da internet ou não. Obrigada!

Quantas pessoas vieram aqui :

Está procurando por algo ?

About me :

Minha foto
Mineira, 20 anos, escritora desde os 12, inconstante, imprevisível, cruzeirense apaixonada, esquecida e abandonada pelo amor, e talvez, cheia de sonhos. Como dizia o grande Renato Russo: "Nunca deixe que lhe digam que não vale á pena acreditar no sonho que se tem, ou que seus planos nunca vão dar certo, ou que você nunca vai ser alguém."
Documentos, fotos e textos por Anna Luíza HS. Tecnologia do Blogger.

Translate

" Longe de toda negatividade e a onda boa se propaga no ar ... " (Forfun)