domingo, 23 de junho de 2013
O que é medo? Uma sentimento horrível que te faz tremer todas as vezes que for preciso arriscar. Ás vezes o medo é um tipo de trauma, ou ás vezes ele é apenas o medo, o medo de tentar... Faz tempo que tô querendo escrever o que sinto, mas ultimamente está sendo cada vez mais difícil, são tantas coisas que me fazem lembrar o tanto que eu já sofri, que eu me calo. Nem ouço, nem penso, nem falo, procuro me concentrar em outra coisa, outro lado. Mas não é bem assim, ás vezes é apenas o medo que veio me fazer companhia enquanto roubava toda a minha coragem. Tô morrendo de medo pra ser sincera, mas vou falar e quer saber? Se não der certo, pelo menos eu tentei... - "Poxa, isso é loucura, como pode uma pessoa sentir tanto medo?" - Eu sempre dizia a mim mesma quando esses turbilhões de pensamentos vinham a tona. O medo é um tipo de bloqueio, um bloqueio dos sentimentos, na verdade, o medo te torna uma pessoa estranha, e aos poucos, tudo vai perdendo a graça quando está com medo. Sabe, ta tudo destruído... Não por fora, por fora ta tudo lindo e perfeito, mandando a imagem mais convincente da situação, mas por dentro? Poxa, a bagunça comanda; o medo comanda. O medo é a companhia mais sombria que pode existir pra você mesma, o medo é o que te faz fracassar. O que se tem a fazer? É ter foco, não alimente seus medos, eles precisam de força pra viver. Então não o crie como se fosse de estimação, o abandone, mande-o embora. Só assim, você vai conseguir retomar as rédeas da sua vida, pois enquanto alimentar o medo dentro de você, ele sugará toda sua energia vital. 
Todos os documentos publicados neste blog, sejam eles fotos ou textos, estão protegidos por direitos autorais, e qualquer mal uso do mesmo será da responsabilidade de quem ás exibir. Favor colocar seus devidos créditos antes de republica-los em qualquer página, seja ela da internet ou não. Obrigada!

Quantas pessoas vieram aqui :

Está procurando por algo ?

About me :

Minha foto
Mineira, 20 anos, escritora desde os 12, inconstante, imprevisível, cruzeirense apaixonada, esquecida e abandonada pelo amor, e talvez, cheia de sonhos. Como dizia o grande Renato Russo: "Nunca deixe que lhe digam que não vale á pena acreditar no sonho que se tem, ou que seus planos nunca vão dar certo, ou que você nunca vai ser alguém."
Documentos, fotos e textos por Anna Luíza HS. Tecnologia do Blogger.

Translate

" Longe de toda negatividade e a onda boa se propaga no ar ... " (Forfun)